14 de maio de 2013

Singularidades penduradas | Hanging singularities

Domingo foi finalmente o dia para a colocar na parede. Há meses que pensávamos nela: desde a concepção ao acertar dos detalhes, da execução ao registo do conteúdo. A premissa inicial era óbvia: decorar uma parede de cozinha de modo original, próprio e singular, sem nos cingirmos apenas à compra de uma tela decorativa, que se pode encontrar em várias paredes -- comprar é fácil, fazer é mais giro. Já por aqui se disse que eu aprecio as singularidades, e felizmente cá em casa não sou a única.

Se a cozinha era o local, a presença de alimentos era básica. Mas não queríamos fotografar alimentos aleatoriamente, sem que houvesse um fio condutor entre eles. Depois pensámos que a forma seria a resposta, e assim chegámos ao coração: eu responsabilizei-me pela execução (o bolo, as bolachas, a maçã, os cupcakes...), aproveitei uma meia-de-leite que me ofereceram, acrescentei umas gomas e uns chocolates, e a noz foi golpe de sorte. O J. fotografou. E estamos agora orgulhosos com o resultado.

Seguem-se outras paredes. Com ideias mais ambiciosas.


Sunday was finally the day to put it on the wall. For months we thought about it: from the conception, to the settling of the details; from the accomplishment, to the content register. The initial premise was obvious: to decorate a kitchen wall in an original way, very unique and without confining only to the purchase of a decorative screen, which can be found on several walls -- buying is easy, doing is much nicer. It has already been said here that I appreciate singularities, and luckily I'm not the only one here at home.

If the kitchen was the place, the presence of food was fundamental. But we did not want to shoot food at random, without havinga common thread in the between. Then we thought that the shape would be the answer, and so we got to the heart: I was the responsible of the implementation (the cake, the cookies, the apple, the cupcakes ...), I availed from a caffè latte that was offered to me, and added some gums and chocolate, and the nut was a fluke. J. photographed. And now we are proud of the result.

We'll follow to other walls. With more ambitious ideas.

36 comentários:

  1. Ficou o máximo! Está mesmo muito giro. Parabéns, duas pessoas de muito talento :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Duas pessoas esforçadas, Doyle, só isso. :-P

      Eliminar
    2. Sei lá, Doyle? Porque vejo tanta gente a fazer coisas tão (mais) giras, e desejava ter mais jeitinho para estas coisas. :-P

      Eliminar
  2. ficou tão gira :D vou começar a encomendar :P

    ResponderEliminar
  3. FOSTE TU QUE FIZESTE??
    Ass.: a incrédula

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aha aha aha!!! Sim, Wallis, eu e o J. Trabalho de equipa. :-)
      Devo entender a tua incredulidade como aprovação ao resultado final?

      Eliminar
    2. Claro!
      Jamais conseguiria:
      -tenho 2 mãos esquerdas;
      - paciência zero;
      - Eu e o meu rapaz e trabalho de equipa = chatices pontuais e algumas trombas garantidas :D

      Parabéns por seres tão jeitosinha. E as coisas feitas por nós têm outro valor.

      Eliminar
    3. Repara, Wallis, costumo dizer que se me tirarem a cabecinha, eu não sei trabalhar com mais nada. =) No caso da tela, só tive mesmo de cozinhar uns docitos e tal, e para isso eu fui aprendendo a ter algum jeito (mas só algum, pouco). Também tenho 0 de paciência (às vezes -1). Trabalho em equipa também raramente nos assiste. Este foi um golpe de sorte. ;-)

      Eliminar
  4. Também adoro "singularidades" faz-nos lembrar que pertencemos ali ... aquele espaço! :)
    Gostei muito!
    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem mais: «é nosso, não é de mais ninguém».

      Eliminar
  5. Adorei :) quando fizerem carreira disso e derem orçamentos, quero saber de tudo!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, se começarem a chover pedidos, penso que falo por mim e pelo J.: podemos começar a prestar esses serviços. :-)

      Eliminar
  6. Uau... ficou mesmo giro, adorei a ideia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espero é que não nos cansemos dela tão cedo... :-S

      Eliminar
  7. Excelente ideia, ficou mesmo fenomenal! :)

    ResponderEliminar
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já não faremos igual, ITK, senão lá se iam as singularidades.

      Eliminar
  9. Mas que bela dupla! Muito bonito e original! Eu é mais reciclagem...até coisas do lixo eu trago para casa....;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem me dera saber fazer reciclagem, e ter jeito com as mãozinhas. Se gostas dessas coisas, Laura, delicia-te com esta página. Eu adoooooooooooooooro todas as ideias. :-)

      Eliminar
    2. Não é que saiba, mas invento, é mais pintar ou forrar caixas com tecido, dar utilidade a coisas que pareciam já não poder servir para nada...
      Ah obrigada pelo link, só vejo mesmo a página...não tenho facebook.

      Eliminar
    3. Sim, não precisas de aderir ao FB para ver. Essa é a minha página favorita. Dava um dedo mindinho para ter mãos para fazer essas coisas. =)

      Eliminar
  10. adorei, está brutal, excelente ideia e excelente execução :)

    ResponderEliminar
  11. Tá bem catita!! :) é só looooooove!!! <3 <3 <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Disfarçamos é muito bem para quem nos conhece. =P

      Eliminar
  12. E ficou um cantinho charmoso!
    gostei muito do resultado, parabens
    beijinhos

    ResponderEliminar